Notícias
26 de Setembro de 2019 às 05:52

Campanha Setembro Amarelo trabalha questões de valorização da vida e prevenção ao suicídio em Borda da Mata

Avalie este item
(1 Voto)

Falar sobre determinado assunto e não ter medo de expor sentimentos são a melhor maneira de enfrentar o preconceito e quebrar tabus, principalmente para diminuir um sofrimento que não é visível fisicamente. A campanha Setembro Amarelo acontece em todo o país durante o mês e tem o objetivo de trazer à tona discussões que possam ajudar aqueles que sofrem e muitas vezes tentam suicídio “a pessoa que tenta suicídio e aquela que se suicida não quer a morte, mas quer acabar com o sofrimento. Suicídio é sofrimento”, explica a enfermeira da Estratégia Saúde da Família (ESF) Aline Siqueira, que ao lado da psicóloga Rosana dos Santos comandaram uma roda de conversa com pais e familiares de adolescentes, no dia 25/09, em Borda da Mata.

 

A palestra foi uma parceria com o Cras para compartilhar informações como sinais de alerta e estatísticas relacionadas ao suicídio com adolescentes. Para Amanda Bastos que participou da palestra, “o assunto foi passado de forma muito clara e objetiva, me chamou a atenção a rede de apoio que existe para as pessoas que apresentam necessidade de cuidado psicológico, desde as escolas, agentes, assistentes e psicólogos, todos treinados pra detectar e ajudar na solução. Existe saída... o final pode ser feliz.”

 

Durante todo o mês de setembro foram realizadas ações para promover a valorização da vida e levar a saúde mental aos diversos espaços. No distrito do Sertãozinho, foi realizado o projeto “Caixinha da Esperança”, com o objetivo de promover a autoestima dos alunos da Escola Estadual Dom Otávio Chagas de Miranda e integrá-los, podendo assim auxiliá-los em uma convivência saudável. Aconteceu também uma conversa de sensibilização com os professores da escola a fim de que pudessem estar alerta aos sinais e mudanças de comportamentos dos alunos. A caixinha também foi colocada em unidades de saúde do município.

 

A enfermeira Aline lembra que em anos anteriores, as ações do Setembro Amarelo aconteceram em todas as escolas do município, tendo como público-alvo os adolescentes. Importante salientar que as ações de prevenção ao suicídio não se esgotam no mês de setembro: “o município conta com seis equipes de ESF, que juntamente com todos os serviços da rede, promovem o trabalho de prevenção em sua rotina. ”

 

Matriciamento em Saúde Mental para a Atenção Primária à Saúde

 

Em Borda da Mata, os profissionais que atuam nas equipes da Estratégia Saúde da Família – agentes comunitários, técnicos de enfermagem, enfermeiros e médicos – estão participando de uma série de treinamentos em Saúde Mental com o objetivo de ajudar famílias e encaminhá-las aos profissionais da Unidade Básica de Saúde de referência e aos demais serviços de saúde ofertados no município.

Como explica a secretária de saúde Rosaly Esther, “matriciamento é um novo modo de produzir saúde em que duas ou mais equipes, num processo de construção compartilhada, criam uma proposta de intervenção pedagógico-terapêutica”.

O primeiro encontro aconteceu no dia 13/09 e foi conduzido por profissionais do CAPS (Centro de Atenção Psicossocial) Aldeia Vira Mundo de Pouso Alegre. Os próximos encontros acontecem em outubro, novembro e dezembro.

Compartilhar nas redes sociais:

Mídia

Compartilhar nas redes sociais:

Galeria de Imagens

Compartilhar nas redes sociais:

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Filtro por data

« Maio 2020 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
        1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30 31

Mais lidas