Notícias
%PM, %08 %853 %2019 %16:%Abr

Projeto ‘Bom de Bola, Bom na Escola’ une esporte e educação para formar jovens em Borda da Mata

Avalie este item
(0 votos)

A influência positiva do esporte coletivo para socialização e formação dos jovens já é algo consolidado em todo o mundo. Por isso, uni-lo à educação é algo tão bem-vindo entre educadores de todas as matizes. Em Borda da Mata, essa dobradinha é a premissa do projeto ‘Bom de Bola, Bom na Escola’. A iniciativa do Departamento Municipal de Educação, Cultura, Esporte e Lazer aposta na complementação entre as duas áreas para incutir nos alunos valores como disciplina, espírito coletivo e dedicação.

O público-alvo do projeto, iniciado em 2017, são crianças de 6 a 17 anos. Atualmente, 120 alunos já integram a iniciativa. Com a condição de ter bom desempenho e comportamento na escola, eles participam da escolinha de futebol mantida pela Prefeitura de Borda da Mata. São seis aulas semanais no Estádio Municipal. Elas são divididas em dois turnos,  da 9h às 11 e das 14h30 às 18h, sempre às segundas, quartas e sextas-feiras.

O resultado é a formação de atletas de grande desempenho em campo, na escola e no convívio social. “É um projeto que ajuda a formar cidadãos com grande consciência coletiva, que valorizam o trabalho em grupo para alcançar resultados e entendem que a disciplina é um requisito para o desenvolvimento e aprimoramento de competências”, explica Tiago Lopes, o técnico da escolinha mantida pela Prefeitura.

No dia a dia do projeto, o técnico tem a ajuda de Luiz Rafael,  voluntário que atua como auxiliar técnico da escolinha. Ele conta que uma das missões do projeto é acompanhar o dia a dia das crianças na escola. “A gente trabalha em parceria direta com as escolas. Acompanhando nota, desempenho, comportamento e outros requisitos pedidos pela direção das unidades escolares”, pontua.

Com a palavra, os pais e familiares

Nelson Gomes é pai de João Pedro, de 10 anos. Ele conta que o filho não vê chegar o dia de treinar. “Ele gosta demais. É uma escolinha muito boa, né? Auxilia no desenvolvimento dele”, avalia. Ele explica que o filho é novo no projeto, por enquanto ainda não viaja para os jogos. “Ele começou agora né? Tem que treinar um pouco mais para viajar”, aponta.

Depois que fizer mais alguns treinos, João Pedro estará pronto para viajar com as equipes de base da escolinha de futebol e participar de campeonatos e amistosos. Hoje, quatro categorias integram o projeto: sub-9, sub-11, sub-13 e sub-15.  

O senhor Benedito é avô de outro menino que participa da escolinha. Para ele, o projeto é uma alternativa fundamental de lazer e um incentivo importantíssimo para os estudos. “A coisa mais importante da escolinha é o incentivo na escola, é tirar a criançada da rua. Criança fica na rua só fica fazendo arte”, considera.

Opinião parecida com a de Samuel, pai de outro menino da escolinha. “Ele (o filho) estuda na parte da manhã e, se ele não estiver aqui à tarde, não tem o que fazer, acaba ficando no celular”, relata. Para o pai, outro aspecto importante da escolinha é a disciplina. “Aqui ele tem regras. A criança quando cresce com regra vai longe. É uma lição para a vida. Todas as regras que ele aprende aqui ele pode adaptar para a vida dele”, considera.

Resgate do esporte

Desde 2017, o município se empenha no resgate do esporte em Borda da Mata. O apoio à escolinha de futebol, com aquisição de materiais esportivos e contratação de um profissional para orientar os jovens, se soma à reforma do Estádio Municipal e do ginásio poliesportivo, ambas em andamento. Como explica o coordenador do setor no município, Thiago Senna. “O esporte estava em baixa na cidade. Desde 2017, temos trabalhado para alocar recursos e apoiar projetos como o “Bom de Bola, Bom na Escola”, que começou com 60 alunos e hoje já chega a 120”, enumera.

Para o prefeito André Marques, o projeto é um exemplo a ser aprofundado. “Nós apostamos nesse projeto por acreditar que nossos jovens precisam ter todas as oportunidades possíveis para desenvolver seu máximo potencial físico, intelectual e social. E não há nada mais propício para isso que as escolas e o esporte, uma união que já se provou extremamente promissora. Sendo assim, seguiremos firmes nesse caminho”, projeta.

Compartilhar nas redes sociais:

Mídia

Compartilhar nas redes sociais:

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Filtro por data

« Junho 2019 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
          1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30

Mais lidas