Notícias
%PM, %04 %942 %2019 %18:%Abr

Zema faz acordo, mas só vai começar a pagar os municípios em janeiro de 2020

Avalie este item
(0 votos)
Prefeito André Marques avalia acordo assinado entre municípios e o governador Romeu Zema Prefeito André Marques avalia acordo assinado entre municípios e o governador Romeu Zema

Dívida do governo de Minas com Borda da Mata é de quase R$ 7 milhões. Para o prefeito André Marques, é fundamental que se tenha estabelecido um prazo para o pagamento das dívidas, mas o período longo preocupa devido às dificuldades enfrentadas pelos municípios mineiros. “Borda da Mata tem se saído bem, mas poderia estar ainda melhor não fosse essa retenção indevida de verbas”, diz ele

A dívida do governo de Minas com o município de Borda da Mata era de R$ 6,7 milhões na última atualização feita pela Associação Mineira de Municípios, a AMM, em 11 de março. Nesta quinta-feira (04), depois de três meses de negociação, o governador Romeu Zema assinou acordo judicial no Tribunal de Justiça de Minas Gerais, junto ao presidente da AMM, Julvan Lacerda, para o pagamento dessa dívida em 33 parcelas, sendo que a primeira delas será paga apenas em janeiro de 2020.

Para o prefeito André Marques, a assinatura do acordo é um avanço fundamental para começar a resolver os problemas financeiros causados aos municípios, mas o prazo longo definido é mais um motivo de preocupação para os prefeitos que têm inúmeras demandas da população para atender.

“De um lado, ficamos aliviados com a sinalização de que essa situação pode ser finalmente resolvida. Por outro, ficamos extremamente frustrados, pois são recursos que eram de direito da cidade e o governo de Minas não repassou. Em nosso caso, ainda conseguimos manter os serviços públicos funcionando e até fazer investimentos, mas sabemos de muitas cidades que praticamente pararam. Além disso, por mais que nossa administração tenha muitos resultados positivos, imagine o que não poderíamos ter feito pela população se tivéssemos recebido esses repasses em dia?”, desabafa.

Apesar das dificuldades impostas pelos repasses retidos indevidamente pelo governo do Estado, o prefeito tem comemorado conquistas importantes. Nesta quarta-feira (03), ele fez uma visita técnica às obras do CEMEI II, o novo Centro Municipal de Educação Infantil da cidade. As obras por lá estão avançadas. A expectativa é que elas sejam entregues em maio. Com capacidade para atender 120 crianças, o CEMEI recebeu investimentos de R$ 1,38 milhão do governo federal e R$ 650 mil da atual administração.

No final da última semana, o prefeito acompanhou o início das primeira etapa de obras de ampliação do Cemitério Municipal. Um dia antes, recebeu o documento que confirmou a destinação de uma retroescavadeira ao município pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

A máquina vai ajudar a intensificar os trabalhos de manutenção de vias nas estradas rurais, de onde vem grande demanda da população. E essas são só as conquistas mais recentes do município que, em breve, deve reabrir o hospital da cidade. No perímetro urbano, o Departamento Urbano está finalizando a aplicação de 18 toneladas de massa asfáltica em uma grande operação tapa-buracos que deve chegar a todas as regiões do município.

“A grande verdade, é que quando você está na condição de prefeito, com ou sem recursos, precisamos encontrar maneiras de atender às demandas da população. Fizemos isso por meio da aplicação responsável dos poucos recursos que temos, fazendo articulação política junto a deputados para obter emendas, além de parceria com associações, iniciativa privada e população. Juntos, estamos fazendo Borda da Mata melhor a cada dia”, considera.

Compartilhar nas redes sociais:

Mídia

Compartilhar nas redes sociais:

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Filtro por data

« Julho 2019 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30 31        

Mais lidas